Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Apresentados

Meia-noie e cá estamos

 Muitas vezes é difícil darmo-nos conta do quão miseráveis as coisas possam estar até alguém aparecer, de forma inesperada e mostrar-nos mesmo sem saber. Creio que essa minha miserabilidade* deve-se em parte pela simples, ou não tão simples, momentânea deficiência nas palavras. A depressão assola-me e por isso começo a perder forças que não consigo resgatar num simples texto escrito pelas minhas mãos. Juro que costumava ser mais fácil apesar de ser bem verdade de que não tinha bem noção do que fazia.  Tudo afoga, tudo chateia e penso então na minha avó para chatear-me ainda mais. Sinto-me longe. Estou longe e muitas vezes sinto-lhe perto. 

Mensagens mais recentes

Sem motivo aparente

Ontem

Da série 'Textos antigos que andavam escondidos'

Hoje, apenas hoje

Eu disse que não voltaria, mas voltei.

Para lá do meu eu, todos nós fomos Distante.

Todos Nós Fomos Distante

As melhores coisas na vida

Notes to Self

Amor